Iniciar sessão

Navegar para Cima
A aplicação Web não foi encontrada em http://ivar.azores.gov.pt/noticias. Verifique se escreveu o URL correctamente. Se o URL tiver de fornecer conteúdo existente, o administrador do sistema poderá ter de adicionar um novo mapeamento do URL do pedido à aplicação de destino.
A aplicação Web não foi encontrada em http://ivar.azores.gov.pt/noticias. Verifique se escreveu o URL correctamente. Se o URL tiver de fornecer conteúdo existente, o administrador do sistema poderá ter de adicionar um novo mapeamento do URL do pedido à aplicação de destino.
Não é possível visualizar esta Peça Web. Para resolver o problema, abra esta página Web num editor de HTML compatível com o Microsoft SharePoint Foundation como, por exemplo, o Microsoft SharePoint Designer. Se o problema persistir, contacte o administrador do servidor Web.


ID de Correlação:4e0a178b-4abf-4b00-b87a-b13fe26118f0


Mundo ► Fenómenos Naturais

Vista aérea da zona mais afetada pelo sismo de 21 de agosto em Ísquia, Itália (Foto: Italian Carabinieri press office/ Reuters
22-08-2017 11:00
Ísquia, Itália
Sismo de magnitude 4,3 em Ísquia (Itália) causa destruição e duas mortes

​Um sismo de magnitude 4,3 atingiu ontem, dia 21, a ilha de Ísquia ao largo da cidade italiana de Nápoles. De acordo com o European-Mediterranean Seimological Centre (EMSC), o sismo ocorreu às 18:57 hora UTC (20:57 hora local), localizou-se no mar Tirreno a 170 km a SE de Roma, 33 km a W de Nápoles e a 9 km a NW da ilha de Ísquia, a cerca de 10 km de profundidade.
 
A zona mais afetada foi Casamicciola, localizada na parte norte da ilha, onde cerca de uma dezena de edifícios e também uma igreja colapsaram. Pelo menos um hotel e algumas partes do hospital Rozzoli de Lacco Ameno foram evacuados por razões de segurança, no entanto, e de acordo com Roberto Alloca, médico daquele hospital, cerca de 20 pessoas estavam a ser tratadas devido a ferimentos ligeiros numa sala de emergência improvisada instalada no recinto hospitalar. De acordo com os bombeiros locais, algumas estruturas e o abastecimento de eletricidade desta localidade foram interrompidos. Na localidade vizinha, Lacco Ameno, foram também registados alguns estragos.
 
Até ao momento há confirmação de dezenas de feridos, embora sem gravidade, e duas mortes, uma associada à queda de pedras de uma igreja e outra encontrada sob os escombros de uma casa que ruiu. Três crianças ficaram presas nos destroços de um edifício, ainda com vida, tendo uma já sido resgatada.
 
As equipas de bombeiros e proteção civil haviam sido reforçadas há poucos dias na ilha devido aos fogos florestais. Ísquia, um dos destinos turísticos mais conhecidos do Golfo de Nápoles, tem sido afetada por vários sismos no passado, o mais grave com magnitude 5,8 em julho de 1883 e que causou mais de dois mil mortos.
 
O sismo de ontem surge a dias do primeiro aniversário do sismo de 24 de agosto de 2016 em Amatrice, que fez 299 mortos.


Fontes


EMSC
CBS
Reuters
Observador

Informação Relacionada


Imagens Adicionais


Anexos



Notícias Relacionadas


Error in WebPart: A aplicação Web não foi encontrada em http://ivar.azores.gov.pt/noticias. Verifique se escreveu o URL correctamente. Se o URL tiver de fornecer conteúdo existente, o administrador do sistema poderá ter de adicionar um novo mapeamento do URL do pedido à aplicação de destino.Click here to edit the properties of this web part.
Não é possível visualizar esta Peça Web. Para resolver o problema, abra esta página Web num editor de HTML compatível com o Microsoft SharePoint Foundation como, por exemplo, o Microsoft SharePoint Designer. Se o problema persistir, contacte o administrador do servidor Web.


ID de Correlação:4e0a178b-4abf-4b00-b87a-b13fe26118f0
Error in WebPart: A aplicação Web não foi encontrada em http://ivar.azores.gov.pt/noticias. Verifique se escreveu o URL correctamente. Se o URL tiver de fornecer conteúdo existente, o administrador do sistema poderá ter de adicionar um novo mapeamento do URL do pedido à aplicação de destino.Click here to edit the properties of this web part.