Iniciar sessão

Navegar para Cima
A aplicação Web não foi encontrada em http://ivar.azores.gov.pt/publicacoes. Verifique se escreveu o URL correctamente. Se o URL tiver de fornecer conteúdo existente, o administrador do sistema poderá ter de adicionar um novo mapeamento do URL do pedido à aplicação de destino.
A aplicação Web não foi encontrada em http://ivar.azores.gov.pt/publicacoes. Verifique se escreveu o URL correctamente. Se o URL tiver de fornecer conteúdo existente, o administrador do sistema poderá ter de adicionar um novo mapeamento do URL do pedido à aplicação de destino.
Última hora:
  • Ilha de S. Jorge (Sistema Vulcânico Fissural de Manadas) em Alerta Científico V3, após reativação do sistema vulcânico em profundidadeIlha Terceira (Vulcão de Santa Bárbara) em Alerta Científico V2 devido aos níveis de atividade microssísmicaAtividade sísmica na ilha de São Jorge encontra-se acima dos valores normais de referênciaAtividade sísmica no Vulcão de Santa Bárbara (ilha Terceira) encontra-se acima dos valores normais de referênciaIlha de S. Jorge, último sismo sentido: 4 de outubro às 20:41h, intensidade máxima III/IV nas freguesias de Velas e Santo AmaroCIVISA apela ao preenchimento do inquérito de macrossísmica em caso de sentir um sismo



Artigos em revistas ► internacionais com arbitragem

 

Referência Bibliográfica


PEREIRA, M.L., MATIAS, D., VIVEIROS, F., MORENO, L., SILVA, C., ZANIN, V., UCHÔA, J. (2022) - The contribution of hydrothermal mineral alteration analysis and gas geothermometry for understanding high-temperature geothermal fields - the case of Ribeira Grande geothermal field, Azores. Geothermics, 105, 102519, doi: 10.1016/j.geothermics.2022.102519.​​​

Resumo


​The Ribeira Grande geothermal field is located on the northern flank of Fogo Volcano (S. Miguel Island, Azores) and it is characterised by the presence of several active hydrothermal manifestations. An analysis of the RG5 geothermal well has been carried out by the recognition of neoformation minerals with depth and the estimation of equilibrium temperatures. The formation of hydrothermal minerals depends not only on temperature but also on subsurface geology. The mineral assemblage consisting of chlorite + quartz + haematite ± calcite ± anatase ± titanite + albite ± adularia (± dolomite) shows temperature above 235 C, and the main alteration is divided into a smectite zone followed by a chlorite zone at depth. The adularia appearance evidences a boiling zone at the top of the reservoir and illite and chlorite also suggest fluid level fluctuations in the past. The H2/Ar gas geothermometry applied to the gases emitted by fumaroles points to a temperature of 256 C for the reservoir feeding a fumarolic field located close to the RG5, which sustains the mineralogical research.

Observações


Anexos